Governo troca mais três secretários

O Governo do Estado efetuou mudanças no primeiro escalão nesta quarta-feira (21). O atual secretário de Gerenciamento de Projetos (Segep) e servidor de carreira do Incaper, Enio Bergoli, assume a Secretaria de Agricultura, Abastecimento, Aquicultura e Pesca (Seag), em lugar de Ricardo Santos.

O economista Regis Mattos Teixeira, atual subsecretário de Estado de Planejamento, assume a Segep no lugar de Enio Bergoli. E o administrador José Antônio Almeida Pimentel, que foi diretor da Escelsa, assume a Casa Civil, anteriormente ocupada por Sergio Aboudib.

"Estas modificações na equipe são de cunho administrativo. Em comum, os nomes anunciados têm perfil absolutamente técnico", disse o chefe de gabinete Valdir Klug, ao anunciar as alterações. As exonerações e nomeações serão publicadas no Diário Oficial desta quinta-feira (22).

Recentemente, o comando da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Urbano (Sedurb), antes nas mãos  do atual diretor da Cesan Paulo Ruy Carnelli, passou para Marcelo Ferraz. "Daqui pra frente, as alterações deverão ter como um dos critérios escolher pessoas que não tenham pretensão eleitoral no ano que vem", disse Valdir Klug.

Enio Bergoli

Enio BergoliEnio Bergoli é engenheiro agrônomo formado em 1984, pelo Centro de Ciências Agrárias da Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes) e reside há quase 30 anos no Espírito Santo. É casado e tem dois filhos.

Pós-graduado em Administração Rural pela Universidade Federal de Viçosa (UFV), desde 1986 é servidor de carreira do Incaper, sendo presidente do órgão entre 2003 e 2008.

Autor e editor de livros, como: "Manual técnico para a cultura do café no estado do Espírito Santo", "Análise comparativa da competitividade econômica do eucalipto em relação às explorações tradicionais de café e pecuária no Estado do Espírito Santo" e "Parceria agrícola no Espírito Santo", em 2008 foi nomeado Conselheiro Titular do Conselho Deliberativo da Política do Café (CDPC).

Integrou várias missões técnicas nacionais e internacionais relacionadas ao planejamento e à administração rural, com destaque para países como França, Itália, Argentina, Uruguai, Bélgica, Chile, Costa Rica e Guatemala.

Em abril de 2008, Bergoli assumiu a Secretaria de Estado de Gerenciamento de Projetos, pasta responsável pelo monitoramento dos projetos prioritários do Governo do Espírito Santo, que prevê a aplicação de R$ 3,2 bilhões entre 2007 e 2010.

Regis Mattos Teixeira

Regis Mattos TeixeiraRegis Mattos Teixeira é mestre em Gestão Empresarial pela Fundação Getúlio Vargas e graduado em Economia pela Universidade Federal do Espírito Santo. Exerceu a função de Controlador de Recursos Públicos e Coordenador de Planejamento e Gestão do Tribunal de Contas do Estado, no período de 1995 a 2002.  Foi Coordenador de Planejamento da Auditoria Geral do Estado de 2003 a 2005, quando assumiu o cargo de gerente de Planejamento Estratégico do Governo do Estado. Desde 2007 é Subsecretário de Estado de Planejamento.


José Antônio Almeida Pimentel

José Antônio Almeida Pimentel Nascido em São José do Calçado em 1951, José Antônio Pimentel é administrador e tem extensa folha de serviços prestados à área pública capixaba. Começou sua vida profissional na Secretaria da Fazenda de Ecoporanga (1971 a 1975) e foi admitido como administrador da Escelsa em 1983, onde foi Diretor (1986/1987, 1992 /1993, 1994 /1995) Diretor de Administração e Suprimentos, Assistente da Presidência e Diretor na privatização (1995). Pimentel também foi Assistente da Presidência da Empresa Energética de Mato Grosso do SUL S.A. - ENERSUL (1997 e 2008), assessor técnico do Ministério da Fazenda em Brasília (1987 a 1988), Chefe de Gabinete do Vice-Governador do Estado do Espírito Santo (1979 a 1982), Deputado Estadual (1984/1985 e 1993/1994), fundador do PFL Nacional (1985) e fundador do DEM (2007), partido do qual é vice-presidente.


Espírito Santo em Ação © Copyright 2009, Asevila

Av. Luciano das Neves, 209, Edf. Dom Estevam, sala 506, Centro, Vila Velha - ES
CEP: 29.100-201 / CNPJ: 09.238.172/0001-72